Tudo o que você precisa saber sobre a regulamentação de apostas esportivas

Tendências e Novidades

O setor de apostas esportivas cresceu consideravelmente nos últimos anos. Segundo pesquisa realizada pela Datahub e obtidos pelo Aposta Legal Brasil, houve um aumento de 135% do setor entre agosto dos anos de 2022 e 2023. 

Com o aumento da atividade, tornou-se necessário estabelecer mais controle governamental, além de regras claras para garantir a segurança e a transparência tanto para os apostadores quanto para as empresas do setor. Assim, foi aprovado pela Câmara dos Deputados e pelo Senado Federal o Projeto de Lei 3626/2023 que regulamenta as apostas esportivas on-line.  

Neste artigo, vamos detalhar a nova regulamentação e entender como a lei impacta o mercado de apostas esportivas no Brasil.

O que diz a regulamentação das apostas esportivas? 

Até o segundo semestre de 2023, não havia uma legislação específica que permitisse a realização de apostas esportivas de forma regulamentada no Brasil. Ainda assim, existiam plataformas de apostas on-line, porém as empresas responsáveis por essas plataformas e sites operavam fora do território brasileiro. 

Com o objetivo de fiscalizar e trazer mais segurança para o mercado de apostas, o Projeto de Lei 3626/2023 estabeleceu novas regras. Uma delas determinada que as empresas interessadas em operar no setor devem ser autorizadas pelo órgão regulador competente e atender a uma série de requisitos, como idoneidade, capacidade técnica e financeira, bem como regularidade fiscal e trabalhista.

Além disso, o projeto prevê a criação de um imposto sobre as apostas realizadas, com uma alíquota que pode chegar a 30% do faturamento das empresas. Essa medida visa tanto gerar receita para o Estado quanto regular o mercado, combatendo a atuação de empresas ilegais e não regulamentadas.

Outro ponto importante do projeto é a proibição das apostas para menores de idade, a fim de proteger crianças e adolescentes dos riscos associados aos jogos de azar. As empresas também serão obrigadas a adotar medidas para prevenir a lavagem de dinheiro e outras práticas ilegais.

Em resumo, o Projeto de Lei busca estabelecer um marco regulatório para as apostas esportivas online no Brasil e garantir a segurança dos consumidores e a legalidade das operações no mercado.

O que mais vai mudar com o PL 3626/2023?

A regulamentação das plataformas de apostas esportivas pretende mudar pontos estruturais para adequação das novas recomendações. Entenda o que muda com a lei. 

Aval para exercício 

As empresas que desejam começar ou continuar no mercado precisam ser registradas em território nacional e, para isso, é necessário ter autorização do Ministério da Fazenda. 

Além disso, a empresa precisa ter pelo menos um brasileiro no quadro de sócios e comprovar experiência em jogos e outros requisitos técnicos estabelecidos pelo Executivo.

Pagamento de impostos

De acordo com o projeto, os ganhos obtidos com apostas esportivas estarão sujeitos a uma cobrança de 15% de Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF). Essa cobrança será aplicada sobre o valor líquido dos prêmios e calculada com base no total de apostas realizadas durante o ano, incidindo apenas sobre o montante que ultrapassar a primeira faixa da tabela do IRPF, de R$ 2.112.

No caso das empresas que operam no setor, o projeto prevê uma tributação de 12% sobre o faturamento bruto. Esse imposto será aplicado às empresas como forma de contribuição para os cofres públicos, garantindo uma arrecadação justa e equilibrada do setor.

Participantes

Segundo as normas da lei, serão impedidos de jogar:

  • menores de 18 anos.
  • pessoas diagnosticadas com distúrbios de jogo.
  • dirigentes esportivos, técnicos, árbitros, agentes e atletas.
  • pessoas com influência sobre os eventos esportivos ou sobre a plataforma de jogos.

Órgãos de fiscalização

O Ministério da Fazenda tem como objetivo criar uma secretaria específica para monitorar e controlar as atividades das empresas de apostas, e garantir a conformidade com a legislação vigente. Além disso, o órgão regulador terá o poder de aplicar sanções e penalidades às empresas que descumprirem a regulamentação.

Combate a fraudes

O projeto obriga as empresas a utilizar tecnologias de reconhecimento facial para verificar a identidade dos apostadores. Também permite a suspensão dos pagamentos de apostas que estejam sob investigação por manipulação de resultados.

As plataformas também serão obrigadas a desenvolver recursos que limitem o tempo de uso dos usuários para poderem monitorar as atividades dos clientes e identificar potenciais danos ou uso abusivo de apostas.

Reconhecimento facial em apostas esportivas 

Como visto acima, uma das normas visa garantir a identificação da identidade dos apostadores com o uso de tecnologia de reconhecimento facial. Essa medida busca dificultar e combater as possíveis tentativas de fraudes e promover um controle maior sobre o acesso à plataforma.

Apenas com a validação de documento padrão, o RG anexado, não é possível garantir que quem está utilizando a conta é a pessoa que se cadastrou nela. Com a validação de identidade por meio de reconhecimento facial, a plataforma consegue monitorar se o jogador é o mesmo que criou a conta.

Portanto, empresas que desejam atuar de forma legal no Brasil, precisam implementar tecnologias para garantir a própria segurança e a do usuário.

Como aplicar o reconhecimento facial no meu aplicativo ou site de apostas esportivas?

O reconhecimento facial pode ser aplicado em diversas partes do processo de funcionamento do aplicativo ou site de apostas, do cadastro à realização de apostas até depósitos e saques na plataforma. 

Veja alguns exemplos de soluções do Certfy que podem ser utilizadas com o reconhecimento facial: 

  • Validação biográfica e biométrica: a solução promove a validação de dados biográficos e biométricos para verificar a identidade dos usuários em momentos como cadastro e login. Isso garantirá que apenas pessoas autorizadas tenham acesso à plataforma de apostas.
  • Validação de documentos: a validação de documentos pode ser utilizada para verificar a autenticidade dos documentos fornecidos pelos usuários durante o cadastro, por exemplo, e pode ser feita em conjunto com o reconhecimento facial.
  • Onboarding de usuários: o onboarding facilita o processo de cadastro e o torna mais rápido e intuitivo para os usuários.
  • KYC (Know Your Customer): a solução KYC pode ser utilizada para verificar a identidade dos usuários e garantir que eles atendam aos requisitos legais para realizar apostas, baseado na norma que determina quem deve ter acesso a esse tipo de mercado.
  • Age Check: a tecnologia é usada para verificar a idade dos usuários por meio do reconhecimento facial, garantindo que apenas maiores de idade tenham acesso à plataforma de apostas.
  • Consultas de antecedentes: pode ser utilizada para verificar se os usuários têm algum registro criminal ou outra informação relevante que possa impedir a participação na plataforma de apostas. Os tipos de consultas podem ser personalizados, por exemplo: consultar para saber se o usuário ocupa cargo em algum órgão esportivo.

Com a utilização das soluções do Certfy, você poderá implementar o reconhecimento facial em seu aplicativo ou site de apostas esportivas de forma segura e eficiente, garantindo a conformidade com as regulamentações e oferecendo uma experiência de usuário mais conveniente.

Regulamentação e tecnologia para apostas esportivas mais seguras

Vimos que as empresas de apostas esportivas precisam cumprir as novas exigências da regulamentação a fim de garantir a segurança e a transparência das operações. Uma das medidas importantes é a implementação do reconhecimento facial para verificar a identidade dos jogadores, evitar fraudes e promover a integridade das apostas.

Para estar em conformidade com a legislação e oferecer um serviço seguro e confiável aos seus usuários, entenda como a verificação de usuários pode se tornar mais segura com o reconhecimento facial.

Últimos conteúdos

Veja todos

4 vantagens de usar a assinatura digital

Conheça os benefícios, a eficiente e a segura da assinatura digital para assinar documentos de maneira remota.
Pedro Cunha
Atualizado em
20/5/2024

Omnichannel: o que é e por que adotar essa estratégia?

Omnichannel é uma estratégia de vendas que integra diferentes canais. Entenda o que é e como aplicar.
Marília Oliveira
Atualizado em
17/5/2024

Documentoscopia: entenda o que é e qual a importância no combate a fraudes

Faça a validação de documentos e reduza fraudes. Conheça nossas soluções para documentoscopia.
Caio Miranda
Atualizado em
30/4/2024

4 motivos para usar o onboarding digital do Certfy no RH

O onboarding permite a integração do novo colaborador. Conheça como o Certfy pode auxiliar o setor RH.
Marília Oliveira
Atualizado em
9/4/2024

Tudo o que você precisa saber sobre a regulamentação de apostas esportivas

A regulamentação das apostas esportivas online aprovou novas regras. Veja aqui o que muda e como se adequar.
Caio Miranda
Atualizado em
19/3/2024

Onboarding Digital na educação: benefícios e usabilidade

Conheça a solução que traz agilidade e segurança para a educação em um único software.
Alane Pimentel
Atualizado em
5/1/2024

Biometria para segurança no ensino EAD: como funciona?

O controle biométrico é usado para segurança do ensino EAD, mas pode também otimizar processos educacionais.
Alane Pimentel
Atualizado em
3/1/2024

Como reforçar a segurança nas universidades com a biometria

As universidades podem usufruir de segurança, modernização e outros benefícios que a biometria traz. Saiba mais.
Alane Pimentel
Atualizado em
11/12/2023

Concessão de crédito: como aplicar com o Background Check?

O Background Check atua na concessão de crédito mais assertiva ao usuário e ao concessor. Veja o tutorial.
Caio Miranda
Atualizado em
6/12/2023

Background check: o que é, tipos e vantagens para sua empresa

Conheça tudo sobre o background check e como a solução pode impulsionar a segurança e eficiência da sua empresa.
Caio Miranda
Atualizado em
6/11/2023

Por que utilizar a biometria para segurança nas escolas?

Para aumentar a segurança, a biometria pode ser adotada no controle de acesso a escolas. Saiba mais detalhes aqui.
Alane Pimentel
Atualizado em
26/10/2023

Bebida alcoólica para menores em aplicativos: como lidar?

A tecnologia está ajudando a proteger menores de idade da venda de bebidas alcoólicas em aplicativos. Veja como.
Caio Miranda
Atualizado em
16/10/2023

Vending Machines no Brasil: como tornar o negócio seguro?

Saiba como oferecer uma experiência segura aos clientes por meio de vending machines.
Caio Miranda
Atualizado em
20/5/2024

Fraudes em plano de saúde: saiba como se proteger

Fraudes em planos de saúde custam bilhões em prejuízo às empresas. Leia o artigo e veja como se proteger.
Atualizado em
13/9/2023

Tecnologia biométrica na educação: benefícios e desafios

A biometria é utilizada para garantir processos mais modernos e seguros. Na área da educação não é diferente.
Alane Pimentel
Atualizado em
13/9/2023

Como tornar a verificação de usuários em sites de apostas mais segura?

Conheça a importância da verificação de idade em jogos de aposta online para segurança e integridade de usuários.
Caio Miranda
Atualizado em
13/9/2023

Como funciona a verificação de idade com biometria facial

A tecnologia de verificação de idade vem tornando o ambiente virtual mais seguro para todas as idades.
Caio Miranda
Atualizado em
13/9/2023

3 etapas do processo tecnológico para emissão do Novo RG

Conheça as tecnologias envolvidas no processo de emissão do novo RG.
Alane Pimentel
Atualizado em
13/9/2023

3 tendências da tecnologia no setor público

A cidadania também é digital. Conheça como a tecnologia tem transformado o serviço público no Brasil.
Alane Pimentel
Atualizado em
13/9/2023

4 tecnologias usadas no onboarding digital

Conheça 4 tecnologias que podem ser aplicadas ao onboarding digital do seu negócio.
Alane Pimentel
Atualizado em
13/9/2023

Por que investir no varejo online?

Entenda como e porque você deve apostar na transformação digital do varejo online.
Alane Pimentel
Atualizado em
13/9/2023

Onboarding Digital: o que é, quais os tipos e benefícios

A tecnologia do onboarding digital é o começo de uma relação digital segura entre instituições e usuários.
Atualizado em
13/9/2023

Tire suas dúvidas sobre o Novo RG

A nova Carteira de Identidade Nacional (CIN) já pode ser emitida e substituirá o antigo RG.
Atualizado em
13/9/2023

Abandono de carrinho em e-commerce: aprenda como solucionar

Ficou fácil anunciar produtos em e-commerce. Facilitar o onboarding digital com OCR é parte decisiva na compra.
Alane Pimentel
Atualizado em
13/9/2023

Conheça a fraude que envolveu 17 departamentos de trânsito

Um esquema de fraude milionário foi descoberto no Detran-SP com possível envolvimento indireto de 17 estados.
Atualizado em
13/9/2023

Entenda como é feita a identificação de crimes com biometria

A biometria pode ser imprescindível na identificação de crimes. Entenda mais aqui.
Atualizado em
13/9/2023

Carteira de Identidade Nacional: conheça a substituta do RG

O RG está dando lugar para uma nova carteira de identidade nacional e unificada, a Carteira Nacional de Identidade
Atualizado em
13/9/2023

A falta de documentação afeta a identificação de pessoas?

3 milhões de brasileiros não possuem nenhum documento de identificação. Entenda como isso afeta o decorrer da vida
Atualizado em
13/9/2023

Seu onboarding mais seguro com Qualificação Biométrica

Para maior segurança de um onboarding, por envolver indentificação, é preciso ter qualificação biométrica.
Atualizado em
13/9/2023

Como a biometria oferece mais segurança a videoconferências?

Saiba como aplicar segurança com identidade digital em videoconferências.
Fábio Falcão
Atualizado em
13/9/2023

Identidade digital: o que é e quais os benefícios

Conheça os benefícios da identidade digital.
Pedro Alves
Atualizado em
13/9/2023

RG Digital, com tecnologia Certfy, é lançado pelo Governo da Paraíba

Saiba mais sobre o RG Digital lançado pelo Governo da Paraíba com tecnologia Certfy.
Fábio Falcão
Atualizado em
13/9/2023

Qualificação cadastral: como funciona e por que investir

A qualificação cadastral potencializa a segurança nas relações comerciais.
Fábio Falcão
Atualizado em
13/9/2023